Precisamos conversar

13/04/2017

“Queridos mamãe e papai, isto não é sua culpa.”
” Mas estive sendo difícil por um bom tempo até agora.”
“Desculpe não ser o pai que você queria.”
“Você vai encontrar um outro amigo.”
“Não é culpa de ninguém, ninguém causou isso.”
“Por favor siga em frente, é tudo que eu quero.”
“Eu te amo, estou acabado.”

Bilhetes de suicídio revelam os problemas quando já é tarde demais.  Nesta campanha,  homens  lêem cartas de despedida escritas anos antes. Felizmente, eles encontraram um caminho antes de uma decisão fatal: falar. Mas nem todos conseguem sair dessa. No mundo todo, a taxa de suicídio está elevada entre os homens – 510 mil todos os anos, o que dá uma morte por minuto.

A campanha de prevenção ao suicídio We need to talk foi lançada no ano passado pela Fundação Movember do Canadá para incentivar os homens a buscar ajuda e conversar sobre os seus problemas. No Canadá, sete homens morrem por dia como resultado do suicídio. Segundo especialistas em saúde mental, 1 em cada 4 pessoas serão afetadas por um problema de saúde mental em algum momento de sua vida.

De acordo com a Fundação Movember, muitos homens resistem, mantendo seus sentimentos para si mesmos e lutam sozinhos com seus problemas. A instituição pediu que as pessoas ajudassem a amplificar a conversa, compartilhando o vídeo em suas redes sociais.  O site da campanha traz informações e compartilha histórias reais de pessoas que também passaram pelo problema.

Movember

A Fundação Movember é uma organização global de sem fins lucrativos voltada para a saúde dos homens. São mais de 1.000 projetos focados no câncer de próstata, câncer testicular, saúde mental e inatividade física.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.